DO•HA
DO•HA

Trends for salon

DICAS E TENDÊNCIAS PARA A SUA BELEZA

DO•HA - Blog

TUTORIAIS E PASSO A PASSO

DO•HA - Blog

Por Camila Couto
18.02.2021

DO•HA - Blog

Por Camila Couto
18.02.2021

O que é PDD e quais são seus malefícios?

Descubra por que você deve abolir o PPD do seu salão e proteger ainda mais suas clientes de alergias.

DO•HA - Blog

Para um salão de beleza ter sucesso um dos pilares é investir em produtos capilares profissionais e que cuidem da saúde e bem-estar das clientes. Um dos produtos mais utilizados no salão é o creme de coloração, esse produto deve ser escolhido com muito cuidado e atenção para não trazer problemas para as clientes, nem para você.

 

Um importante ponto a ser visto é se o creme de coloração tem PPD em sua fórmula, pois esse componente pode desenvolver uma forte reação alérgica, tanto na cliente como em quem está aplicando. Você não sabe o que é PPD e o motivo para banir esse ingrediente do seu salão? Então, descubra agora.

 

O que é PPD?

 

PPD ou parafenilenodiamina é um tipo de corante presente em colorações e algumas tatuagens que permite a eficácia da cobertura da superfície. Porém, como esse componente pode causar alergias, o Comité Científico da União Europeia estabeleceu que o nível de concentração PPD permitido é de 2% (na mistura que está pronta para aplicação).

 

Entretanto, para quem já tem alergia a PPD mesmo um produto tendo menos de 2% do item na composição pode acarretar danos a saúde.

 

Aonde o PPD é encontrado?

 

-Henna

As famosas tatuagens feitas na praia podem conter PPD e provocar lesões na pele. Existe a Henna Natural que é vegana e, geralmente, é orgânica.

 

-Coloração e Tonalizante

Coloração com PPD são conhecidas por cobrir com facilidade cabelos brancos e ter uma durabilidade de cor maior, porém os estragos que podem causar são bem maiores.

 

 

Sintomas e reações

 

Alguns sintomas e dermatites que o PPD pode gerar são:

- Sensação de coceira no couro cabeludo.

- Queimação no couro cabeludo.

- Feridas no couro cabeludo.

- Perda de cabelo.

- Pele avermelhada no couro cabeludo, orelhas, testa e região de contato com o produto.

- Inchaço dos olhos (podendo dar conjuntivite alérgica), lábios, rosto e vias respiratórias (ocasionando asma).

- Choque anafilático (fechamento completo das vias respiratórias).

 

Caso você e a pessoa em que foi aplicado o produto ignorarem os sintomas a tendência é pior gradualmente. E mesmo se você ou sua cliente não tem alergias a produtos químicos, se for usado produtos que possuem parafenilenodiamina com frequência pode desenvolver alergias com o passar do tempo.

 

Como evitar?

 

Para evitar esse tipo de alergia é necessário pesquisar e comprar coloração livre de PPD e com ingredientes que possuem pequeno potencial alergênico. Por exemplo, colorações permanentes precisam ter amônia em sua composição para fixar no córtex capilar, como amônia pode gerar alergia você deve buscar colorações que possuem menos possível de amônia.

 

Outra ação é antes de comprar e aplicar o produto é solicitar a composição do produto com o fabricante e levar ao seu médico de confiança para verificar se você pode utilizar aquele produto ou linha de produtos específicos. Você pode conseguir a composição verificando a embalagem do produto ou enviando um e-mail para a marca ou fabricante solicitando.

 

“Mas como vou exigir que minha cliente vá a um médico para verificar isso?” Nesses casos, você como profissional tem o dever de realizar o teste de mecha e o teste de alergia (teste de toque) na cliente 72 horas antes de realizar o procedimento. Para verificar se a cliente pode passar pelo procedimento e se o cabelo está apto a receber os produtos sem ter danos extremos.

 

Tem dúvidas na hora de realizar o teste de alergia? Confira nosso post que explica cada detalhe do procedimento.

 

Você já aboliu o PPD do seu salão? Quer saber como escolher a coloração perfeita para suas clientes? Então, continue acompanhando nosso blog e nossas redes sociais.

Autor

DO•HA - Blog

Camila Couto

Jornalista com experiência em redação online e rádio. Redatora da DO•HA Professional.

Outros posts feitos por Camila Couto
Posts Relacionados
DO•HA

Fique por dentro das nossas novidades!